Orgão regulador de concorrência da Austrália escrutinará atividades dos gigantes digitais Orgão regulador de concorrência da Austrália escrutinará atividades dos gigantes digitais /Reprodução

Austrália investiga ação anticompetitiva do duopólio digital que reduz o mercado da mídia do país

A atuação do Google e do Facebook no mercado de mídia da Austrália – onde as duas empresas repetem a prática de duopólio verificada no restante do mundo – passou a ser investigada pela Comissão Australiana de Consumidores e Concorrência (ACCC), na sigla em inglês. O inquérito, ordenado pelo Governo Federal, investigará se os gigantes digitais levam vantagem na competição com publishers.

O governo australiano solicitou a investigação como parte das amplas reformas de mídia, em meio à crescente preocupação com o futuro do jornalismo e a qualidade das notícias após anos de queda de lucros e cortes de empregos nas redações e com o aumento das notícias falsas. “Examinaremos se as plataformas estão exercendo o poder de mercado em negócios comerciais em detrimento dos consumidores, criadores de conteúdo de mídia e anunciantes”, confirmou o presidente da ACCC, Rod Sims, em comunicado.

A Austrália, disse Sims, quer “entender completamente” a forma como as duas empresas influenciam no país. "À medida que o setor de mídia evolui, há preocupações crescentes de que as plataformas digitais estão afetando a capacidade da mídia tradicional de financiar o desenvolvimento de conteúdo", continuou o presidente da ACCC.

A investigação, que terá poder para exigir informações de empresas e realizar audiências, deve apresentar seu relatório final em 18 meses e examinará também o impacto da atuação das gigantes digitais na qualidade dos conteúdos de notícias produzidos pelos jornalistas. Esse tema é objeto de uma comissão no Parlamento australiano sobre o futuro do jornalismo, provocado por preocupações com estimativas de 2 mil de postos de trabalho em todo o setor desde 2011.

A Austrália estuda a possibilidade de taxar as empresas de tecnologia que geram publicidade e encontrar um formato que agregue valor aos conteúdos noticiosos, como uma forma de apoiar e manter viável o jornalismo.

Leia mais em:

https://www.ft.com/content/92852fe0-d893-11e7-a039-c64b1c09b482

http://www.thedrum.com/news/2017/12/04/australian-government-orders-inquiry-facebook-and-google-s-power-local-media-market

Publicado por :

Jornalista