SIP concede Grande Prêmio Chapultepec a Edison Lanza, relator especial da CIDH Reprodução

SIP concede Grande Prêmio Chapultepec a Edison Lanza, relator especial da CIDH

A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP, na sigla em espanhol) anunciou a entrega da edição de 2020 de seu Grande Prêmio Chapultepec ao advogado e jornalista uruguaio Edison Lanza, relator Especial para a Liberdade de Expressão da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH).

"(Lanza) tem contribuído de maneira decisiva para aprofundar o marco jurídico interamericano que protege a liberdade de expressão”, assinalou em comunicado o presidente da SIP, Christopher Barnes, diretor do jornal The Gleaner, da Jamaica. Ele destacou o trabalho de Lanza na comissão que redigiu a propostas que deu origem à Declaração de Salta sobre Princípios de Liberdade de Expressão nas Era Digital, aprovada pela SIP em 2018, que complementa a Declaração de Chapultepec, de 1994.

Ao anunciar a premiação a Lanza, a SIP informou que a premiação será entregue ao relator especial da CIDH por "sua dedicação e contribuição destacada e decisiva na proteção e promoção da liberdade de expressão nas Américas". A entidade lembrou, por exemplo, da atuação fundamental de Lanza que contribuíram para sentenças da Corte Interamericana de Direitos Humanos por crimes contra a liberdade de imprensa, como nos casos dos jornalistas Nelson Carvajal Carvajal, da Colômbia, e Vladimir Herzog, do Brasil.

O prêmio será entregue em cerimônia especial da reunião de meio ano da SIP, a ser realizada entre 27 e 29 de março de 2020, no México. A premiação é concedida pela SIP desde 1988.

Leia mais em:

https://en.sipiapa.org/notas/1213632-iapa-honored-edison-lanza-with-the-chapultepec-grand-prize-2020