O diretor-administrativo da Jorgraf, Flávio Peixoto, Thayanne Magalhães, Lucas França e o repórter fotográfico da Tribuna Edilson Omena O diretor-administrativo da Jorgraf, Flávio Peixoto, Thayanne Magalhães, Lucas França e o repórter fotográfico da Tribuna Edilson Omena

Tribuna Independente é a grande vencedora do 10º Prêmio Sincor de Jornalismo

O jornal Tribuna Independente foi o grande vencedor do 10º Prêmio Sincor de Jornalismo Alberto Marinho. O evento aconteceu na noite desta quinta-feira (7) no Espaço Pierre Chalita, no bairro da Pajuçara, em Maceió. A imprensa compareceu em peso no local juntamente com os profissionais que fazem parte do Sindicato dos Corretores de Seguros de Alagoas (Sincor-AL) e a noite foi repleta de homenagens.

A Tribuna Independente, além de vencer em todas as colocações da categoria ‘Jornalismo Impresso’, também foi homenageada antes da premiação por ter sido o veículo de comunicação que mais teve trabalhos inscritos no 10º Prêmio Sincor. O diretor-administrativo da Cooperativa dos Jornalistas e Gráficos de Alagoas (Jorgraf), Flávio Peixoto, subiu ao palco para receber o troféu.

Quem venceu o terceiro lugar da categoria ‘Jornalismo Impresso’ foi a repórter da Tribuna Thayanne Magalhães com a matéria “Para driblar reforma, tem que poupar”. “Com a reforma da Previdência, as pessoas têm que procurar outros meios de garantir a aposentadoria. Eu foquei nisso, em todas essas dúvidas com relação ao que foi pautado. Muitas pessoas, hoje, estão procurando outros caminhos para garantir o descanso na velhice”, disse a jornalista. Além de vencer pela Tribuna, Thayanne também levou o segundo lugar na categoria ‘Telejornalismo’ com a matéria “Reforma complementar é opção para preocupados com a reforma da Previdência”, veiculada pela TV Ponta Verde.

Os vencedores do primeiro e segundo lugar de ‘Jornalismo Impresso’ foram os repórteres Lucas França e Evellyn Pimentel. A matéria “Mais barata que seguro, proteção veicular pode virar prejuízo” ganhou em segundo e a reportagem “Moradores do Pinheiro lutam por direito ao seguro da Caixa” foi a grande campeã da categoria.

“A emoção é grande em saber que, na matéria do primeiro lugar, não se evidencia um seguro específico, e sim a luta dos moradores do Pinheiro em pleitear seus direitos. Nossa reportagem foi lá para mostrar que o jornalismo tem muito a colaborar com a situação em que se encontra o bairro. São mais de 100 processos e todos buscam um seguro que garanta a oportunidade de reconstruir a vida”, disse Lucas França.

Homenagens

A noite começou com homenagens a corretores de seguros que atuam em Alagoas. Foram entregues troféus a vários profissionais do ramo.

O presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Alagoas (Sindjornal), Izaías Barbosa, foi ao palco e falou aos convidados que o prêmio era um evento importantíssimo para o jornalismo alagoano. “Porém o ano de 2019 foi difícil para os profissionais da imprensa local por causa da luta pelos nossos direitos. Muitos companheiros foram demitidos, mas fizemos greve e vencemos”, disse o presidente.

Texto e fotos: Rívison Batista