NYT cria produtos relacionados à rotina das pessoas para atrair novos assinantes via alto-falante inteligente Reprodução/Nieman Lab

NYT cria produtos relacionados à rotina das pessoas para atrair novos assinantes via alto-falante inteligente

Diários de diferentes regiões do mundo têm promovido há alguns meses suas primeiras iniciativas via assistentes virtuais de voz para engajar e conquistar mais assinantes digitais. Até aqui, porém, esbarram no ainda pouco interesse do público por notícias nesses dispositivos, segundo recente estudo do Instituto Reuters para Pesquisa do Jornalismo. Agora, o jornal The New York Times anunciou uma série de produtos, inicialmente disponíveis apenas no Alexa, da Amazon, que prometem acabar com o desinteresse do público.

A partir de análise da pesquisa do Instituto Reuters e de estudos próprios, o jornal encontrou três modos gerais para a audição de notícias nesses dispositivos, informou ao Nieman Lab o editor de voz do diário, Dan Sanchez. Em primeiro lugar, há um modo de período mais longo, no qual a pessoa está propensa a relaxar. Nesse caso, músicas e podcasts funcionam bem.

No segundo modo, a pessoa está em atividade, muitas vezes acelerada, envolvida em uma rotina diária. O terceiro modo identificado pelo jornal The New York Times, relata o Nieman Lab, é quando as pessoas estão prontas e dispostas a se envolver totalmente com o jornalismo. “Talvez eles estejam entediados no fim de semana ou estejam procurando algo para fazer com seus filhos ou amigos", exemplifica Sanchez.

Para atender a essas três situações, o The New York Times criou uma versão reduzida, uma espécie de briefing de apenas 3 minutos, do seu podcast de bastante sucesso, o The Daily, que tem cerca de 30 minutos de duração. O programa será diário e terá apresentação de Michael Barbaro, que também comanda a versão original do podcast. Para ter acesso, o usuário precisará dizer: “Alexa, enable The New York Times briefing” (“Alexa, habilitar o resumo de notícias do The New York Times.”), conta o jornal O Estado de S.Paulo.

Na tentativa de captar a atenção do público em seus momentos mais descontraídos, com tempo livre, o jornal norte-americano elaborou um questionário semanal interativo de múltipla escolha que desafia os ouvintes com perguntas sobre as notícias da semana. A ideia, relata O Estado de S.Paulo, é usar a mesma dinâmica dos jogos de curiosidade (quiz), populares entre usuários de assistentes de voz nos Estados Unidos (assim como em smartphones no mundo todo).

Interação com a edição impressa

Em contrapartida, desde o último domingo, a edição impressa do The New  York Times inclui avisos de que os leitores podem encontrar mais das reportagens das seções Viagem, Crítica Literária e Artes & Lazer no assistente virtual. "Queremos realmente encantar nossos leitores do impresso, que nem sempre são as primeiras pessoas que visamos quando falamos de inovação", disse Monica Drake, editora-chefe assistente. “Queremos usar o jornal impresso como trampolim para essas novas experiências”, enfatiza Dan Sanchez.

Nos Estados Unidos, diz o jornal O Estado de S.Paulo, um em cada quatro americanos possui um alto-falante inteligente em casa, usado principalmente para ouvir música, informações sobre o tempo e notícias e lembrar certas rotinas diárias. O The New York Times estuda levar seus novos produto também para os assistentes do Google e da Apple.

Leia mais em:

http://www.niemanlab.org/2019/01/heres-what-else-you-need-to-know-today-the-new-york-times-launches-a-flash-audio-briefing-and-other-voice-stuff-for-alexa/

https://link.estadao.com.br/noticias/empresas,nyt-tera-programacao-especial-na-alexa-para-atrair-novos-leitores,70002676028