Dezenas de estados dos EUA investigam Google por práticas ilegais de concorrência    Reprodução

Dezenas de estados dos EUA investigam Google por práticas ilegais de concorrência   

Um grupo de 50 procuradores-gerais de estados e territórios norte-americanos abriu nesta segunda-feira (9) uma investigação para verificar se as práticas de publicidade digital do Google ferem as leis que regem a concorrência dos Estados Unidos.

Os procuradores estaduais, liderados por Ken Paxton, do Texas, questionam se os consumidores estão realmente recebendo as melhores informações nos resultados de suas buscas no Google. “Esta é uma empresa que domina todos os aspectos da publicidade e da busca na internet”, afirmou Paxton no anúncio.

O Google enfrenta ainda investigação antitruste de reguladores internacionais e do Departamento de Justiça norte-americano, que também está examinando o papel da gigante de buscas na web no mercado de publicidade digital e suas operações de busca. A empresa disse na sexta-feira que o departamento emitiu demandas cíveis de investigação, semelhantes a intimações, para todos os documentos de investigações antitruste anteriores.

Na ultima sexta-feira (6) a procuradora-geral de Nova York, Letitia James, anunciou que outra coalização de estados investigará o Facebook. Na próxima quinta-feira, a subcomissão antitruste da Câmara de Representantes do Congresso americano fará uma audiência sobre o impacto do uso de dados e sobre privacidade.

Leia mais em:

https://www.theguardian.com/technology/2019/sep/06/facebook-google-antitrust-privacy-investigations-us

https://elpais.com/economia/2019/09/09/actualidad/1568039253_604619.html

 

https://oglobo.globo.com/economia/cinquenta-estados-territorios-dos-eua-anunciam-investigacao-antitruste-contra-google-23936866