Publishers vivem contradição entre otimismo com os resultados da diversificação de receitas e alerta aos ataques à imprensa Instituto Reuters

Publishers vivem contradição entre otimismo com os resultados da diversificação de receitas e alerta aos ataques à imprensa

A maior parte dos publishers começou o ano com doses mais generosas de otimismo após uma década marcada pelo crescente ataque às liberdades de imprensa e de expressão, além do impacto negativo da disrupção digital no mercado de comunicação. As dificuldades verificadas nos últimos dez anos, entretanto, mantêm os líderes de redação em estado de alerta em relação estado geral do jornalismo.  Essa lacuna de confiança na indústria dá o tom do cenário encontrado pela edição de 2020 do Journalism, Media and Technology Trends and Predictions, relatório anual publicado pelo Instituto Reuters para o Estudo do Jornalismo.

Quase três quartos (73%) dos 230 CEOs, editores e líderes digitais de 32 países consultados pelo estudo dizem que se sentem confiantes ou muito confiantes sobre as perspectivas de sua empresa em 2020. Isso reflete o otimismo entre muitos publishers de que as estratégias de receita e diversificação dos leitores estão começando a dar frutos. Os editores continuarão investindo na busca por receita junto aos leitores, com metade (50%) dizendo que esse será o principal fluxo daqui para frente. Cerca de um terço (35%) acha que as receitas de publicidade e de leitores serão igualmente importantes, com apenas um em cada sete (14%) depositando suas esperanças apenas na publicidade.

“A crescente concorrência por um número limitado de pessoas preparadas para pagar por notícias provavelmente será um desafio este ano, à medida que os modelos de assinaturas amadurecem. O desconto pesado já é generalizado e as taxas de rotatividade provavelmente se tornarão uma preocupação crescente para aqueles que não podem provar um valor consistente ao público", adverte o autor do relatório, Nic Newman.

Em paralelo, segundo o estudo, os executivos de mídia entrevistados têm menos confiança no jornalismo em geral (46%) e no jornalismo de interesse público em particular. Existe uma inquietação generalizada sobre o declínio da produção e influência das notícias locais e as crescentes pressões em muitos países sobre jornalistas que tentam responsabilizar os ricos e poderosos, relata a pesquisa.

O relatório sugere que a coleta de dados primários se tornará um foco importante para os publishers este ano, após o suporte reduzido a cookies dos principais navegadores e as regulamentações de privacidade mais rígidas na Europa e nos Estados Unidos. Mas a combinação de paywalls e barreiras de registro corre o risco de colocar outros obstáculos no caminho dos usuários de notícias casuais.

Podcasts e inteligência artificial 

Podcasts e uso de inteligência artificial (IA) também devem ser destaques ao longo do ano, diz o estudo. No primeiro caso, a receita deve crescer cerca de 30% ao ano, atingindo mais de US$ 1 bilhão até 2021 nos Estados Unidos, por exemplo. Em relação a aplicações de aprendizado de máquina, os editores planejam fazer mais uso desse recurso para promover uma distribuição eficaz do conteúdo. Mais da metade dos entrevistados afirma que criar recomendações melhores será muito importante este ano, seguido de usos comerciais, como o uso da IA para segmentar possíveis assinantes e otimizar paywalls (47%), além de aumentar a eficiência da redação por meio de sub-marcação ou marcação assistida pela IA (39%).

O relatório aponta ainda para o entendimento, por parte dos líderes de redação, de que houve avanços na diversidade, mas ainda não em todas as áreas. Os entrevistados dizem que fizeram progressos em relação à diversidade de gênero, com três quartos (76%) acreditando que sua organização está fazendo um bom trabalho. No entanto, eles consideram bem mais tímidos os resultados na diversidade de áreas não metropolitanas (55%), na diversidade política (48%) e na diversidade racial (33%).

Leia mais em:

https://reutersinstitute.politics.ox.ac.uk/six-trends-you-shouldnt-miss-2020-subscriptions-podcasts-and-ai