Assembleia da SIP debate restrições a informação pública e violência a jornalistas

Assembleia da SIP debate restrições a informação pública e violência a jornalistas

As restrições ao acesso à informação pública, assassinatos e ataques a jornalistas e o assédio judicial a profissionais e empresas de comunicação são alguns dos problemas que afetam a liberdade de imprensa nas Américas a serem analisados ​​na Assembleia Geral da Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP), de 27 a 30 de outubro, em Salt Lake City, Utah, nos Estados Unidos. No sábado (28) estão programadas as sessões nas quais serão apresentados e debatidos os relatórios de cada país. Os relatórios preliminares com informações completas estarão disponíveis no site da SIP a partir desta quinta-feira (26).

O encontro é uma das duas reuniões anuais da entidade realizadas para analisar não apenas a liberdade de imprensa, mas demais desafios da indústria jornalística. São esperados cerca de 300 participantes, incluindo diretores, editores, jornalistas, prestadores de serviços e partes interessadas.

 

Leia mais em:

http://www.sipiapa.org/notas/1211779-la-sip-analizara-los-principales-problemas-que-afectan-la-libertad-prensa-las-americas