Direito ao esquecimento global ameaça liberdade de expressão, alerta SIP Reprodução/SIP

Direito ao esquecimento global ameaça liberdade de expressão, alerta SIP

A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) expressou preocupação com possíveis consequências negativas a nível global a partir da decisão que a Corte de Justiça da União Europeia (CJUE) tomará sobre o direito ao esquecimento na internet em um caso envolvendo o Google e a Comissão Nacional de Informática e das Liberdades (CNIL) da França. A instituição francesa quer que o Google, quando solicitado, retire conteúdos ou links em escala mundial. “A aplicação do critério francês poderá induzir países de regimes repressivos e autocráticos a impor a nível internacional as restrições e censura que aplicam em sua jurisdição nacional", alertou a SIP em carta enviada à CJUE. "A liberdade de expressão não poderá sobreviver na internet se as leis de cada nação forem aplicadas a todos os sites na web".

Leia mais em:

http://www.sipiapa.org/notas/1211939-la-sip-advierte-el-peligro-del-derecho-al-olvido-nivel-global