Iniciativas foram escolhidas por apresentarem relevância e impacto social nas comunidades em que atuam Iniciativas foram escolhidas por apresentarem relevância e impacto social nas comunidades em que atuam

Grupo RBS e Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho destinam recursos para sete projetos sociais

Um projeto que já beneficiou mais de 80 mil pessoas em todo o Estado, desde 2016, apoiará sete novas iniciativas. Nesta quinta-feira (21), o Grupo RBS e a Fundação Maurício Sirotsky Sobrinho (FMSS) anunciaram as ações escolhidas nos Editais 2018. Ao todo, serão destinados R$ 297 mil através de três diferentes leis de incentivo, dentro das áreas de apoio a crianças e adolescentes, cultura e esporte.

Os selecionados — Na categoria Funcriança, foram escolhidos a Casa do Menino Jesus de Praga, que acolhe crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social e com deficiências; o Instituto Pobres Servos da Divina Providência, que atua no Bairro Bom Jesus, dentro do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV); e o Vida Criança, que promove o acompanhamento biopsicossocial com crianças e adolescente junto à família.

Entre os selecionados na área da Cultura, através da Lei Rouanet, estão o Educando com Arte, que promove o ensino de música a crianças e jovens em vulnerabilidade social; e o Ouviravida Educação Musical Popular, que retomou as atividades no ano passado no bairro Bom Jesus.

E pela Lei de Incentivo ao Esporte, foram selecionados o Primeiro Saque, que proporciona aulas de tênis e outras atividades para crianças de Canoas; e o Ginástica Rítmica para Todos, que dissemina os valores da modalidade entre o público infantil.

Os recursos serão repassados a partir do mês de julho.

Como funcionam os Editais — Em seu terceiro ano consecutivo, a seleção teve início em 3 de maio, com o lançamento do edital. Após quatro etapas – que envolveram avaliação de documentos, adequação da área temática, experiência e relevância e debate com especialistas, todas acompanhadas de consultoria externa –, foram definidos os finalistas, que terão seus projetos acompanhados até o final do ano.

O Grupo RBS, por meio da FMSS, tem esta como uma de suas principais ações sociais, apoiando e financiando iniciativas que hoje mostram trabalhos relevantes e necessários a garantia de direitos fundamentais e transformação social.