The Washington Post coloca no mercado plataforma de publicidade digital que desafia Google e Facebook Reprodução

The Washington Post coloca no mercado plataforma de publicidade digital que desafia Google e Facebook

O jornal The Washington Post lançou nesta terça-feira (17) sua própria plataforma para que as marcas anunciantes comprem publicidade on-line sem a intermediação de Google ou Facebook, que juntos controlam quase 60% do mercado publicitário digital dos Estados Unidos. O sistema, denominado Zeus Prime, segundo o jornal, valoriza os espaços publicitários associados à qualidade do conteúdo, ao contrário do que ocorre muitas vezes nas operações feitas por meio das empresas digitais. A ferramenta será oferecida aos demais publishers, e a expectativa do jornal é a de adicionar outras empresas de mídia locais e nacionais à rede a partir de 2020. 

A plataforma, segundo o site Axios, permite que os editores abram seu espaço de anúncio diretamente para os profissionais de marketing por meio de uma ferramenta de compra em tempo real, semelhante à oferecida pelo Google e pelo Facebook, na rede de sites e aplicativos dos publishers. A ferramenta estará disponível primeiro para os anunciantes do jornal em Washington DC, diz Joy Robins, diretora de receita do The Washington Post, ao Axios. "À medida que mais editores licenciarem a tecnologia, esse pool de inventário de anúncios disponível acabará por crescer nacionalmente em muitos sites de publishers". 

"O Zeus Prime oferece aos editores a oportunidade de licenciar uma pilha de tecnologia compartilhada e ter controle total sobre sua receita e a tecnologia que a alimenta. Isso os capacita a se tornarem menos dependentes de plataformas de receita como Google e Facebook", afirmou ao Axios Jarrod Dicker, vice-presidente de tecnologia e desenvolvimento comercial do jornal norte-americano. Ele disse acreditar que os sistema permitirá aos publishers receitas a uma taxa mínima de CMP (custo por cada mil impressões) superior a US$ 10, contra os atuais US$ 2.

Os negócios de tecnologia do The Washington Post ficam dentro de uma divisão chamada Arc Publishing, que licencia produtos de software para dezenas de empresas. O Zeus Prime, criado em colaboração com a Polar, uma empresa especializada em formatos de publicidade na web, faz parte do pacote de tecnologia Zeus, que também inclui o Zeus Insights, que suporta a segmentação avançada de anúncios, e o Zeus Performance, focado no desempenho orientado pela experiência.

Este texto foi editado a partir de conteúdos dos sites Axios e MediaPost e com informações do The Washington Post e da Associated Press. Leia os originais nos links abaixo:

https://beta.washingtonpost.com/pr/2019/09/17/washington-post-launches-zeus-prime-creating-premium-network-brands-publisher/

https://www.axios.com/washington-post-zeus-prime-advertising-8f356787-5f66-4fc2-9d34-a62516d4762d.html

https://www.mediapost.com/publications/article/340790/the-washington-post-launches-real-time-automated.html