Conteúdos produzidos para as marcas Zero Hora, Gaúcha, GZH e Diário Gaúcho passarão a ser organizados em três grandes áreas Conteúdos produzidos para as marcas Zero Hora, Gaúcha, GZH e Diário Gaúcho passarão a ser organizados em três grandes áreas / Divulgação / Reprodução - Coletiva

Redação Integrada ganha uma nova área de Comportamento e Cultura

Com o objetivo de fortalecer a produção de conteúdo sobre temas como cultura, entretenimento, tecnologia, família, bem-estar, educação e espiritualidade, especialmente para o digital, a Redação Integrada do Grupo RBS está sendo reorganizada em três grandes áreas. Além de Esportes e Notícias, surge uma nova área de Comportamento e Cultura, que reunirá o Segundo Caderno, os cadernos Fíndi, DOC e Vida, a Central de Serviços e a editoria Sua Vida, além de todo o conteúdo produzido para as marcas Zero Hora, Gaúcha, GZH e Diário Gaúcho sobre esses temas.

O projeto é resultado de um trabalho de pesquisa e de benchmarking, com investimento em um time muito qualificado neste segmento, cujos conteúdos são relevantes para os consumidores. Atualmente, notícias sobre comportamento e cultura representam 20% da audiência de GZH, somando quase 90 milhões de visualizações em 2018.

– Para atender cada vez melhor o público, estamos permanentemente questionando nossa forma de trabalhar. A criação da nova área na Redação, organizando a produção de conteúdo em três pilares (Comportamento e Cultura, Notícias e Esportes), é mais uma etapa de mudança numa redação contemporânea, inovadora e inquieta, que não tem medo de se transformar para seguir acompanhando de perto a forma com que o consumidor quer e precisa receber informações – diz Marta Gleich, diretora de Jornalismo de Jornais e Rádio do Grupo RBS.

A editora Rosane Tremea será a responsável por liderar essa fase de estruturação da nova área, que prevê o lançamento de produtos e a contratação de novos talentos. Com a mudança, a jornalista Claudia Laitano deixa de editar o Segundo Caderno, permanecendo como colunista de Zero Hora. Ticiano Osório, que editava Sua Vida, também deixa essa função e assume a edição dos cadernos DOC e Vida.

Evoluir constantemente está no DNA do Grupo RBS, desde sua fundação, há 61 anos. O grupo de jornalismo investigativo (GDI), o lançamento da plataforma GaúchaZH e a integração das redações de jornais e rádios de Porto Alegre são exemplos recentes dessa estratégia, com foco permanente em produção de jornalismo e entretenimento profissionais e de qualidade, aplicando práticas inovadoras e com foco no público.