Instagram tem recurso contra informações falsas

O ESTADO DE S.PAULO - 17/08/2019

O Instagram lançou uma ferramenta que permite aos usuários denunciar publicações que considerem falsas. A publicação de informação falsa não é proibida em todos os serviços do Facebook, dono do Instagram, mas a companhia está tomando medidas para limitar o alcance de publicações erradas e alertar os usuários.


O Facebook começou a usar tecnologia de detecção de imagem no Instagram em maio e

expandiu seu programa de checagem de informações para o aplicativo. Os resultados considerados como falsos são removidos de locais nos quais os usuários buscam conteúdo novo, como a aba “Explore”, do Instagram, e resultados de busca por hashtags.

O Facebook tem 54 parceiros de checagem de informações e trabalha com 42 idiomas, mas o recurso no Instagram está sendo lançado apenas nos Estados Unidos.

“Este é um passo inicial conforme trabalhamos para uma abordagem mais ampla no trato de informações falsas”, disse Stephanie Otway, porta-voz do Facebook.

Polêmica. Em junho, o Instagram se recusou a remover um vídeo falso criado por algoritmos que retratava uma versão “bêbada” de Nancy Pelosi, líder do partido democrata na Câmara dos Deputados – na época, a decisão do Facebook causou polêmica no meio político americano.

Neil Potts, diretor de política pública do Facebook, disse que nem mesmo um vídeo falso de Mark Zuckerberg seria removido da rede social. Uma agência de publicidade acabou postando um vídeo falso de Zuckerberg, que não foi removido.